segunda-feira, 11 de julho de 2011

junção






Correio do Minho, ano LXXVI, série VI, n.º 8259 (3 de Julho de 2011), p. 18.

2 comentários:

Paula Mendes disse...

Tenho visto com muito interesse a publicação das fotos do estudio Aliança que tem saido no Correio do Minho (e que eu nao tenho acesso) pena é que nao tenha sabido desde o inicio e as do inicio nao estejam aqui. Gosto muito das fotos antigas, o meu interesse é meramente pessoal, e tenho algumas inclusivamente da Casa Real na rua dos chaos, que suponho ainda sera mais antiga, mas uma coisa que nao percebi foi por que razao publicaram o negativo por exemplo no seu post medalhas porque assim nao é possivel reconhecer, embora eu tenha invertido a foto para ver os rostos. Sigo con interesse cada publicação nova ate porque por razoes pessoais nao me posso deslocar ao Museu da imagem, mas que me foi dito que nesse museu o arquivo da Studio 5 e foto Studio tambem foi doado ao Museu da imagem,
Muitos parabens pelo seu esforço para divulgação deste arquivo que tenha pena nao tenha online um sitio onde possamos aceder a todo o espolio
Com os melhores cumprimentos
Paula Mendes
paulamendes@mail.telepac.pt

wheelhouse disse...

Obrigada Paula pelo seu comentário.
Durante o mês de Julho e Agosto houve de facto bastantes imagens no jornal que não foram devidamente positivadas antes de serem impressas, mas está previsto voltar a publica-las de novo como deve de ser.
É na verdade uma pena que o Museu da Imagem não disponibilize a consulta das imagens online, mas creio que é um dos objectivos a cumprir desde que abriu há 11 anos atrás. Aguardemos...
Entretanto, sempre que tiver um tempinho venho cá colocar as imagens do Arquivo Aliança que já saíram no Correio do Minho desde Janeiro de 2011.
Obrigada!
Catarina

Publicação em destaque

as fontes discretas

já no distante ano de 2009, Maria do Carmo Serén publicou um artigo sobre a minha tese de mestrado, a que chamou de " as fontes discre...